A Coruja de Monte Suntria

Suntria é uma das denominações de Sintra...O Monte da Lua ...a coruja...sou eu!

sábado, 20 de novembro de 2010

receitas basicas para sabão natural

Têm me pedido de vez em quando uma ou outras receita para sabão natural.
Partilho aqui duas muito simples.

Azeite 370g
oleo de coco 100g
cera abelha 20g
manteiga de cacau 10g
soda caustica 65g
agua destilada 168g .

ou:

azeite 375g
oleo coco 100g
cera abelha 25g
soda 65g
agua 167g

sexta-feira, 19 de novembro de 2010

Boa noite. As minhas ultimas "criações sabonárias", uns lotes bem cheirosos de sabão natural, com oleos essenciais.
Para melhor descrição de cada um deles, vejam o link do meu outro blog.
Abraço
:))





http://saosabao.blogspot.com/2010/11/uma-encomenda-para-o-natal.html

terça-feira, 21 de setembro de 2010

workshop -extracção de oleos essenciais e outro sobr sabão natural


Por outro lado a Quadrante Natural continua com os seus excelentes workshops.
Desta vez tras-nos um workshop muito apetecivel sobre a extraçaõ de oleos essenciais

Extracção de Óleos Essenciais de Plantas Aromáticas
02 de Outubro em Cosntança no Parque Ambiental de Santa Margarida

http://www.quadrante-natural.pt/Eventos/extraccao%20de%20oleos%20essenciais%20constancia.htm


E a 9 de Outubro em Lisboa um workshop que aconselho vivamente sobre sabão natural

Produtos Caseiros e Ecológicos: Especial Sabões
09 Outubro de 2010

http://www.quadrante-natural.pt/Eventos/Produtos%20ecologicos%20caseiros%2020101009.htm


Ambos tem certificado de participação e devem ser oooptimos... se puderem ir ..aproveitem;)

Divulgação- atelier sobre plantas medicianais

Boa Noite

Na Quinta dos Sete Nomes , em Colares vão ocorrer uns atelieres sobre plantas medicinais dados pela Fernanda Botelho., com inicio a 3 de Outubro/10

Caso estejam interessados deixo aqui o link:

http://quinta7nomes.weebly.com/cursos.html

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

Geleia de maçã com chá principe


Agua-Mel




Agua-Mel: é um doce tipico do Baixo Alenteja, nomeadamente da zona de Serpa. Fazia-se na altura da cresta das colmeias (extração do mel). Comia-se (come-se) molhando pedaços de pão, para ensopar.
A minha mãe lembra-se de irem a Serpa, homens vindos de Amareleja a vender Agua-mel e iam pelas ruas a apregoar "Agua-mel!!" diz a minha mãe que às vezes era muito escuro e que o travo era forte, pois era feito com os favos antigos e mais escuros com mais propolis, ou mais que outras substancias, que davam aquele sabor tão peculiar. Lembro-me da minha avó pedir sempre que se ia a Serpa que lhe trouxessem um pouquinho, com o que matava saudades da terra. Agua -mel com requeijão de Serpa, daquele grosso feito com leite de ovelha e que se corta à fatia!
Memorias... :)

Sabão de azeite já cortado

O sabão de azeite que fiz há umas semanas está com um aspecto optimo. Deve ser do calor, está a secar muito bem e a endurecer bem. Pela "prova da lingua", vai ficar muito bom...
Hoje dia 31/08 experimentei este sabão. Está optimo! Ficou melhor do que o anterior, mais cremoso, mais suave...optimo para todos os tipos de pele, corpo e rosto, mas especialmente usado em peles sensiveis e crianças, inclusivé bebes. Um "Jabon de Castilla" (sabão de Castela), feito em Portugal, em Suntria..entre a Serra e o Mar, curado pelo calor do Sol e abençoado pela Lua...

sábado, 28 de agosto de 2010

Doces de laranja

Doce de laranja
2kg de laranjas
1kg de açucar
Descasque as laranjas, separe-lhes deois os gomos e, se necesario, retire caroços. Num tacho, coloque primeiro uma camada de laranja e depois um camada de açucar e assim sucessivamente até terminar os ingredientes. Deixe repousar por meia hora para dissolver o açucar e ficar liquido. Leve então ao lume, mexendo uma ou outra vez e ao principioi vá retirando a espuma que se vai formando à superficie. Deixe ferver lentamente até atingir ponto de geleia (ponto de estrada)
nota: se as laranjas forem muito acidas, aumente a quantidade o açucar.

Doce de laranja (com cascas)
2kg de laranja
açucar q.b.
Lave muito bem as laranjas, descasque-as e corte as cascas em tiras fininhas. Coza as cascas com um pouco de agua, por 3 vezes, 5 mn de cada vez e mudando sempre a agua. No final, escorra bem a agua.
Acabe de descascar as laranjas e retire-lhes os gomos com o auxilio de uma faca afiada, reservando o sumo qeu vai escorrendo delas. Pese os gomos de laranja com as cascas já fervidas e junte-lhe o mesmo peso em açucar. Adicione o sumo que reservou e 2 dl de agua para dissolver. Leve ao lume minimo até atingir ponto de estrada.
Deixe arrefecer e guarde em frascos

segunda-feira, 16 de agosto de 2010

domingo, 15 de agosto de 2010

Geleia de beterraba com laranja e especiarias


Compota de maçã com alfazema


Geleia de Maçã com Hortelã

Geleia de Maçã com Hortelã
Ingredientes:
- 2 kg de maçãs vermelhas
- 2 lt de água
- sumo de 1 limão
- 800 g de açúcar
- 2 colheres de sopa de folhas de hortelã picadas Preparação:
Corte as maçãs, retirando as sementes e as eventuais partes escuras. Ponha numa panela com a água e a hortelã bem
picadinha. Cozinhe até a fruta ficar bem macia, mexendo de vez em quando. Passe as maçãs numa peneira.Leve a fruta
temperada de volta ao lume, misturando o açúcar aos poucos, até que se dissolva. Ferva, mexendo, até atingir a
consistência de geleia.

http://www.receitasemenus.net - Receitas & Menús, O Seu Livro de Culinária OnlinePowered by Mambo

sexta-feira, 6 de agosto de 2010

Pomada de propolis - 2

Outra pomada esta para usos domestico

1c. sopa de cera de abelha
4c. sopade azeite macerado com alfazema
2c. sopa de oleo de rosa mosqueta
1c. sopa oleo de jojoba
1c. sopa de óleo de gérmen de trigo
2c. sopa de azeite macerado com calendula e camomila
1c. sopa de manteiga de karité
1/2c. de chá de vitamina E
7,5 ml de tintura de ervas (entre as quais alfazema, salva, alecrim , calendula, camomila, bardana, etc)
7,5 ml. de extracto alcoolico de propolis
1/2 c. chá de dióxido de titanio
1/2 c.sopa de mel
1c. sopa de sumo de aloé

18 gt OE de tea tree
15 gt OE alfazema
9 gt OE cravo
9 gt OE cedro
15 gt OE de toranja

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

Pomada de própolis (para borbulhas)

Uma amiga disse que gostava de uma pomada com propolis porque uma vez tinha usado uma pomada com propolis que usava no herpes labial e tinha-a ajudado muito. No entanto já nao encontrava essa pomada á venda. Então fiz esta que não sei se vai ajudá-la como ela quer, mas que é boa para borbulhas e pequenas feridas na pele.

fiz uma pequena quantidade

1c. chá de cera de abelha
5c. chá de azeite macerado com alfazema
3c. chá de oleo de rosa mosqueta
1c. chá de óleo de gérmen de trigo
1c. chá de azeite macerado com calendula e camomila
1 capsula de 1000ui de vitamina E
1/3 c. chá de tintura de ervas (entre as quais alfazema, salva, alecrim , calendula, camomila, bardana, etc)
2/3 c. chá de extracto alcoolico de propolis
1/4 c. chá de dióxido de titanio
1/2 c. chá de mel

6 gt OE de tea tree
5 gt OE alfazema
3 gt OE cravo

sexta-feira, 23 de julho de 2010

ignorancia

IGNORÂNCIA
Ao ignorar o interior, você permanece ignorante. Não ignorar o interior é o começo da sabedoria. Gosto desta palavra ignorância. Ela significa que algo foi ignorado, algo foi desviado, você não prestou atenção a ele.
Algo está presente, sempre esteve presente, mas você tem sido negligente com ele. Talvez por estar sempre presente, ele possa ser facilmente ignorado. Sempre ignoramos aquilo que está sempre presente, e sempre prestamos atenção ao novo, porque o novo traz mudança. O cachorro pode continuar sentado se nada se mover à sua volta – ele pode descansar, pode sonhar. Basta que algo se mova, e ele fica imediatamente alerta. Mesmo se uma folha seca se mover, ele começará a latir. Esse é exatamente o estado da mente; ela presta atenção somente quando algo muda; depois adormece novamente.
E nosso tesouro interior sempre esteve conosco. É muito fácil ignorá-lo; aprendemos a ignorá-lo. Esse é o significado da palavra ignorância. Deixe que a sua busca seja o começo do não mais ignorar o interior, e o despertar virá por si mesmo. E, quando o amor estiver desperto, a vida terá um sabor totalmente diferente: o sabor do néctar, da imortalidade, da vida eterna.
Osho

Guia para utilização do pêndulo

Guia para utilização do pêndulo


Com o pêndulo pode resolver alguns problemas do seu dia-a-dia.

Saiba como utilizá-lo para ter sucesso no amor, nas finanças e para localizar objectos perdidos.

O pêndulo é um dos instrumentos básicos da Radiestesia, ciência mágica à qual o homem recorre desde a pré-história quando o utilizava para encontrar água em baixo da terra. Como um radar o pêndulo capta a vibração da energia de tudo o que existe e indica a presença dessa energia por meio de oscilações. Por isso, ele é utilizado até em alguns consultórios médicos (para diagnóstico e indicação do tratamento de doenças) e na localização de jazidas dos mais diversos minérios.

Também pode usar o pêndulo para obter orientação no amor, no trabalho, nos negócios, para achar objectos perdidos e para detectar radiações que prejudicam a sua saúde. Basta que, antes, se familiarize com ele por meio de alguns exercícios bem simples.

Existem à venda dezenas de modelos de pêndulos, dos mais diferentes materiais, mas pode confeccionar o seu. Basta amarrar num fio fino um objecto pequeno mas razoavelmente pesado, como um cristal, um anel, uma moeda furada ou uma rolha de cortiça. O importante é que se sinta bem usando o pêndulo que comprou ou fabricou.

Sim ou não?

Comprado ou feito pessoalmente, o seu pêndulo terá uma linguagem própria, composta basicamente de duas palavras: sim e não.

Sim – Quando o peso gira no sentido dos ponteiros do relógio o pêndulo está indicando uma resposta afirmativa, um sim.

Não – Se o peso gira no sentido contrário ao dos ponteiros, o pêndulo está dando uma resposta negativa, um não.

O teste da linguagem

– Para ter certeza de que o seu pêndulo segue a norma geral ao responder às perguntas, faça um teste. Segure-o pelo fio, com a ponta dos dedos polegar e indicador mantendo-o tão imóvel quanto possível. A seguir, formule uma pergunta cuja resposta saiba, do tipo "Hoje é quarta-feira?" Veja se o peso oscila no sentido horário ou anti-horário. Assim, definirá em conjunto com o pêndulo qual o movimento significa sim e qual o significa não. Não se preocupe se no começo as respostas parecerem confusas ou mesmo contraditórias. Isso só acontecerá enquanto não se acostumar com o pêndulo e vice-versa.

Perguntas objectivas

– Tenha sempre o cuidado de formular as perguntas de um modo bem claro. Evite questões negativas, do tipo "O objecto que estou a procurar não está aqui ou está?" Neste caso, se a resposta for não, vai ficar na dúvida se significa que o objecto não está ali ou se significa que não é verdade que ele não está ali. Também não adianta fazer perguntas de múltipla escolha, como "Devo ir ao cinema com Amélia ou com Joaquina? Ou é melhor ficar em casa a estudar Geografia?".

Quando repetir as perguntas – Muitas verdades variam com o tempo. Perguntas do tipo "A Maria ama-me?" ou "O curso que estou fazendo é o mais conveniente para mim? podem receber um sim hoje e um não amanhã. Portanto, convém repeti-las periodicamente.

O Oráculo do dia a dia

Quando sentir que já existe uma perfeita ligação entre si e o seu pêndulo comece a utilizá-lo como um oráculo para resolver inclusive pequenos problemas do seu dia-a-dia. Veja, a seguir, algumas situações em que pode usar o pêndulo.

No amor – Escreva numa folha de papel o nome da pessoa com quem está emocionalmente envolvido e segure o pêndulo acima dele tentando mantê-lo imóvel. De seguida faça a pergunta que quiser. Por exemplo: "Essa pessoa ama-me?", "Devo unir-me a essa pessoa?", "Eu e essa pessoa seremos felizes juntos?"

No trabalho – Para saber se deve aceitar determinado emprego escreva o nome da empresa numa folha de papel e segure o pêndulo acima dele, imóvel. Pergunte: "Devo trabalhar nessa empresa?". O mesmo vale para quem está em dúvida quanto a pedir uma promoção, aceitar uma transferência, demitir-se, etc.

Nos negócios – Antes de alugar uma casa, fazer uma sociedade ou comprar um carro, escreva numa folha de papel as características principais do negócio e pergunte ao pêndulo se deve assinar o contrato.

Na localização de objectos perdidos – Percorra a casa com o pêndulo, segurando-o pelo fio e perguntando em cada canto: "O objecto que procuro está aqui?". Quando conseguir uma resposta positiva, aproxime o pêndulo dos móveis, repetindo a pergunta.

Na localização de radiações negativas – Radiações vindas do espaço cósmico, das profundezas da Terra ou mesmo de aparelhos electrónicos aparentemente inofensivos prejudicam a saúde e o desenvolvimento dos seres vivos. Para verificar se essas radiações actuam na sua casa, ou no seu local de trabalho, segure o pêndulo sobre os lugares suspeitos e pergunte: "Existe alguma radiação negativa aqui?". Conforme as respostas que obtiver, saberá onde colocar as camas, as mesas, os sofás, os vasos de flores, os aquários, etc.

O pêndulo e os chacras
Uma importante aplicação do pêndulo é o diagnóstico energético do organismo através dos chacras - sete centros de força que captam as energias cósmicas actuando como vias de ligação entre o macrocosmo e o corpo físico.
O primeiro chacra, situado na base da espinha dorsal, relaciona-se com o poder criador da energia sexual. Ao colocar o pêndulo sobre a região genital, com a pessoa deitada de costas verifica-se uma situação normal quando o pêndulo regista um movimento circular ou linear suave de amplitude moderada. Quando o chacra está enfraquecido, o movimento do pêndulo é de pequena amplitude - sinal de distúrbio da sexualidade ou de disfunções endócrinas. Movimentos pendulares muito fortes e de grande amplitude indicam um chacra excessivamente forte, excesso de hormonas, sexualidade exacerbada ou até mesmo a presença de um tumor no local.
O segundo chacra, também chamado esplénico ou do baço, é responsável pela energia geral do organismo e por ele penetram as energias cósmicas mais subtis que a seguir se distribuem pelo corpo. Quando os movimentos do pêndulo sobre esse chacra são amplos e vigorosos demonstram uma boa captação energética.
O terceiro centro de força localiza-se na região do umbigo ou do plexo solar e está relacionado com as emoções. Movimentos pendulares rápidos e de grande amplitude indicam um chacra muito activado e forte, próprio de pessoas voltadas para as emoções e prazeres imediatos. Movimentos fracos sugerem carência energética, baixo magnetismo, susceptibilidade emocional e a possibilidade de doenças crónicas.
O quarto chacra situa-se na direcção do coração, entre os dois mamilos. Relaciona-se principalmente com o timo e o coração. A sua energia corresponde ao amor e à devoção, como formas subtis e elevadas de emoção. Na tradição católica, este chacra é simbolizado pelo coração luminoso de Cristo. Também neste caso, quanto mais amplos e vigorosos são os movimentos do pêndulo maior é o potencial para o amor altruísta. Oscilações fracas do pêndulo indicam a necessidade de se libertar do egoísmo e de cultivar uma maior dedicação ao próximo. Também nas pessoas que sofrem de doenças cardíacas os movimentos do pêndulo são fracos, significando contracção energética.
O quinto chacra fica na frente da garganta e está ligado à tiróide. Relaciona-se com a capacidade de percepção mais subtil, com o entendimento e com a voz. Trata-se de um diagnóstico radiestésico difícil, pois nessa região o pêndulo costuma apresentar movimentos variados. Regra geral, oscilações amplas indicam força de carácter, grande capacidade mental e discernimento. Em caso contrário, podemos estar diante de doenças da tiróide e fraquezas de diversas funções físicas, psíquicas ou mentais.
O sexto chacra situa-se no ponto entre as sobrancelhas. Conhecido como "terceiro olho" na tradição hinduísta, está ligado à capacidade intuitiva e à percepção subtil. No diagnóstico radiestésico, movimento amplos do pêndulo podem indicar um sensitivo de alto grau. Movimentos fracos e no sentido anti-horário apontam para um certo primitivismo psico-mental.
O sétimo e mais importante dos chacras situa-se no alto da cabeça e relaciona-se com o padrão energético global da pessoa. Conhecido como chacra da coroa, é representado na tradição indiana por uma flor-de-lótus de mil pétalas na cor violeta. Através dele recebemos a luz divina e a tradição de coroar os reis fundamenta-se no princípio da estimulação deste chacra, de modo a dinamizar a capacidade espiritual e a consciência superior do ser humano.
http://www.fontedeluz.com/main.php?ver=2&id=584

Banhos de Ervas

Banhos de Ervas

Depois de um dia de trabalho nada como um banho. Se não se cuidar bem, o cansaço, e a poluição, podem ter sérias consequências.
Reserve-se ao direito de relaxar e de cuidar de si. Os banhos relaxantes e revigorantes são grandes auxiliares nos cuidados da sua beleza.

Os banhos de erva são um grande aliado, devem ter uma duração de pelo menos uma hora, para que aproveite ao máximo seus efeitos benéficos.
As ervas são encontradas em farmácias ou em casas de produtos naturais.

Faça uma infusão com 3 colheres (sopa) da erva escolhida em 2 copos de água. Coe e acrescente a infusão à água do banho.

CAMOMILA – Os resultados desse banho nota-se imediatamente, pois ele dá uma profunda sensação de repouso e faz uma limpeza completa na sua pele. Para aproveitá-lo ainda mais, humedeça dois chumaços de algodão na água do banho e coloque-os sobre os olhos, eles ficarão claros e brilhantes.

HORTELÃ – Perfeita para tonificar os músculos e renovar as energias. Além disso, a hortelã contribui para amaciar a pele e tem um excelente efeito desodorizante.

ORÉGÃO – Mais conhecido como tempero, também é óptimo para banhos. Indicado para aliviar dores musculares e reumáticas.

ALFAZEMA – O banho de alfazema tem uma grande vantagem, sai dele suavemente perfumada. Para hidratar o corpo, deite na água do banho 5 ou 6 gotas de óleo de amêndoa doce.

SÁLVIA – Erva de efeito anti inflamatório, que ajuda a combater cravos e espinhas. O banho de sálvia é recomendado especialmente para quem tem pele oleosa.
FLOR DE LARANJEIRA – Um banho com esta erva dá uma sensação de frescura e descanso. A flor de laranjeira é também adstringente e fecha os poros excessivamente dilatados.

MELISSA – Também conhecida como erva-cidreira, proporciona um banho repousante e perfumado. Tomado antes de dormir, garante um sono tranquilo.

MAIS...
Arnica - afasta a negativismo

Alho (casca) - protecção espiritual e orgânica
Alecrim - desbloqueia a mente e reforça as energias
Alpista - prosperidade,
Arruda - protecção, afasta os maus fluidos e defende das bruxarias
Água-de-arroz – tranquilizante
Água-marinha (planta) - limpeza física e espiritual
Bolbo do cebolinho - alivia o cansaço e restaura as energias
Comigo-ninguém-pode – defesa
Canela - limpeza, força, prosperidade e desenvolve as energias
Cravo da Índia – estimulante
Crisântemo branco – calmante
Crista-de-Galo (sementes) - calmante (hipertensão)
Contas de Rosário - favorece e estimula a concentração
Cenoura (rama) - combate a fraqueza
Dente-de-Leão - combate a tristeza e tem um poder anti-tóxico
Erva doce - boas energias e fluidos
Espada de São Jorge - protecção e defesa no mau-olhado
Folha de Pinheiro - limpeza geral
Folhas de Pêssego - dissolve as densidades acumuladas
Folhas de Limão - corta as energias negativas

Folhas de Manga - prosperidade e riqueza
Folhas de Louro - prosperidade
Fumo - protecção
Flor de sabugueiro - calmante
Girassol (sementes) - acelera e proporciona as mudanças
Guaraná - aumenta as energias e revitaliza o corpo e a mente
Macela - calmante (bom para insónia)
Manjericão - favorece o equilíbrio e é um renovador das células do organismo
Rosas brancas - limpeza
Rosas vermelhas - energia
Sementes de tangerina - para as dores na coluna
http://www.fontedeluz.com/main.php?ver=5&id=2

Aromaterapia: a cura extraída das plantas

Aromaterapia: a cura extraída das plantas
Os aromas de certas plantas também têm a capacidade de trazer equilíbrio, fortalecer o organismo, intensificando a sensação de conforto na hidromassagem. Para a aromaterapia, prática conhecida há mais de seis mil anos pelas civilizações orientais, são misturados à água do banho óleos essenciais ou sais de banho. Os óleos são fragrâncias naturais extraídas de flores, folhas, cascas, raízes e frutos, e os sais de banho, são próprios óleos essenciais incorporados ao sal marinho. O sal tem efeito em nossa camada energética, que é de limpeza e purificação.

Cada aroma possui propriedades terapêuticas específicas que, assim como na cromoterapia, agem corporalmente e nos estados emocionais. Aliviam sintomas como o estresse, a fadiga e as dores musculares, dando mais vitalidade. Conheça algumas indicações:

Alfazema – indicada para insônia, medo do escuro, sensação de pânico, etc.;

Bergamota – ansiedade, depressão, cólica, etc.;

Canela – estimulante, anti-séptico, resfriados, etc.;

Camomila – ansiedade, TPM, medo, dor de cabeça, etc.;

Cravo – anti-séptico, anestésico, resfriados, otimismo, etc.;

Erva Cidreira – analgésico, anti-séptico, cabelo e pele oleosos, calmante, dor de cabeça, etc.;

Erva Doce – celulite, cólica, náuseas, etc.;

Gengibre – enxaqueca, memória fraca, reumatismo, etc.;

Menta – resfriado, dor de cabeça, sinusite, enjôo, soluço, etc.;

Tomilho – estresse, fadiga, insônia, etc.

Entretanto, é preciso ficar atento a alguns cuidados: os óleos essenciais não devem ser usados diretamente sobre a pele e, se houver reação alérgica, recomenda-se suspender imediatamente o uso dos produtos. Vale lembrar, ainda, que a aromaterapia não trata doenças ou sintomas, ela é um complemento e deve ser aplicada com orientação médica
Ana Luzia

Absorvendo a Energia do Sol

Absorvendo a Energia do Sol

Este é um exercício Tolteca altamente energético, muito bom para ser realizado quando nos encontramos cansados e sem forças.


- Olhe para o Sol com os olhos fechados;
- Inale profundamente pela boca e puxe o calor da luz do sol para o estômago;
- Sustente o ar no estômago pelo tempo máximo que puder;
- Trague o ar mais uma vez e exale vagarosamente.


Imagine que você é um girassol. Sempre conserve seu rosto de frente para o sol quando estiver respirando. A luz do sol carrega a respiração de poder. Assim tenha certeza de tomar grandes goles de ar e de que os pulmões estejam completamente cheios. Faça isto três vezes.
Realizando este exercício, a energia do sol se estende para todo corpo. Inclusive é possível enviar deliberadamente os raios curativos do sol para qualquer área do corpo você deseja, usando a mente simplesmente para dirigir a energia do sol para o local desejado.
Sugerimos que façam as três respirações, respirando pelo nariz e imaginando a energia do sol fluindo e circulando com sua luz energética ao longo da sua coluna. Deste modo, os raios inundam o corpo completamente
http://www.templeofmagic.com.br/xmn/xmn03.htm

Samhain - A Morte do Deus

Samhain - A Morte do Deus

31 de outubro no hemisfério Norte
&
1º de maio no hemisfério Sul

Samhain (pronuncia-se Sou-ein), festejado em 31 de outubro no hemisfério Norte e em 1º de maio no hemisfério Sul, é o Ano-Novo dos Bruxos. Esse dia sagrado é conhecido por inúmeros nomes. Para muitos, talvez, o mais conhecido seja Halloween. Para nós, Bruxos, é a festa na qual honramos nossos ancestrais e aqueles que já tenham partido para o País de Verão.

Essa é a noite em que o véu que separa o mundo material do mundo espiritual encontra-se mais fino e o contato com nossos ancestrais torna-se mais fácil. É também o momento tradicional para celebrar a última das colheitas e se preparar para o Verão.

O poder de magia pode ser sentido no ar, nessa noite. O Outro Mundo se coaduna com o nosso conforme a luz do Sol baixa e o crepúsculo chega. Os espíritos daqueles que já partiram para o outro plano são mais acessíveis durante a noite de Samhain.

Samhain ocorre no pico do Outono. É o tempo do ano em que o frio cresce e a morte vaga pela Terra. O Sol está enfraquecendo cada vez mais rapidamente, a sombra cresce e as folhas das árvores estão caindo, numa preparação ao Inverno que chegará. Essa é a última colheita, o tempo em que os antigos povos da Europa sacrificavam seus gados e preservavam sua carne para o Inverno, pois esses animais não podiam sobreviver em grande escala nesse período do ano devido ao frio vindouro. Só uma pequena parte, os mais viris e fortes, era mantida para o ano seguinte.

Samhain é a noite em que o Velho Rei morre e a Deusa Anciã lamenta sua ausência nas próximas seis semanas. O Sol está em seu ponto mais baixo no horizonte, de acordo com as medições feitas através das antigas pedras da Britânia e da Irlanda, razão pela qual os Celtas escolheram esse Sabbat, em vez de Yule, para representar o Ano-Novo. Para os Antigos Celtas, esse dia sagrado dividida o ano em duas estações, Inverno e Verão. Samhain era o dia no qual começavam o Ano-Novo celta e o Inverno, por isso era um tempo ideal para términos e começos.

É o dia ideal para honrar os mortos, pois nele os véus que separam os mundos estão mais finos. Aqueles que morreram no ano passado e aqueles que estão reencarnando passam através dos véus e portais nesse dia. Os Portões das Sidhe estão abertos e nem humanos nem fadas precisam de senhas para entrar e sair.

Em Samhain, o Deus finalmente morre, mas sua alma vive na criança não-nascida, a centelha de vida no ventre da Deusa. Isto simboliza a morte das plantas e a hibernação dos animais, o Deus torna-se então o Senhor da Morte e das Sombras.

Samhain é um festival do fogo e é a entrada para a parte sombria e fria da Roda do Ano. É em Samhain que as fogueiras são acesas para que os espíritos do outro mundo possam encontrar os caminhos para partirem ao Outro Mundo (País de Verão).

Samhain é o tempo de lembrarmos com amor aqueles que partiram para o outro lado, por isso é chamado de a Festa Ancestral. Toda a família, ou grupo, se reúne para reverenciar os que já partiram. É muito comum nesse Sabbat se realizar uma ceia em silêncio, conectando-se com aqueles que já cruzaram os portais dos mundos. É tradicional também deixar um lugar à mesa para os ancestrais e lhes servir pratos como se eles estivessem presentes à ceia.

Para aqueles que não têm família para festejar e celebrar seus ancestrais, alimentos geralmente são deixados do lado de fora de casa, na porta de entrada, em homenagem aos familiares e amigos desencarnados.

É também tradicional deixar uma vela acesa na janela da casa para ajudar a guiar os espíritos ao longo de sua caminhada ao nosso mundo para que possam encontrar o caminho de volta.

De acordo com os antigos celtas, havia apenas duas divisões do ano que iam de Beltane a Samhain (Verão) e de Samhain a Beltane (Inverno).
Samhain é um dos quatro grandes Sabbats e muitas vezes é considerado o Grande Sabbat.

Por ser o maior de todos e o mais importante também, todos os Pagãos consideram Samhain como a noite mais mágica do ano. Muitas práticas adivinhatórias foram associadas a Samhain, as mais comuns eram aquelas que prenunciavam casamentos e fortunas para o próximo ano que estava se iniciando.

Uma das tradições mais comuns praticadas pelos povos antigos era a de colocar várias maçãs em um grande barril de água. Várias mulheres se reuniam em volta do barril, e a primeira que conseguisse pegar uma das maçãs seria a primeira a casar no próximo ano.

Na Escócia, colocavam-se pedras entre as cinzas da lareira, deixando-as "descansar" durante a noite. Se alguma pedra fosse descoberta durante a noite, representaria a morte iminente durante o próximo ano de um dos moradores da residência.

Sem sombra de dúvida a prática mais famosa do Samhain é o Jack O'Lantern (máscaras de abóboras), que sobrevive até hoje nas modernas celebrações do Halloween. Vários historiadores atribuem suas origens aos escoceses, enquanto outros lhe conferem origem irlandesa. As máscaras eram utilizadas por pessoas que precisavam sair durante a noite de Samhain. As sombras provocadas pela face esculpida n abóbora tinham a virtude de afastar os maus espíritos e todos os seres do outro mundo que vinham para perturbar. Máscaras de abóboras também eram colocadas nos batentes das janelas e em frente à porta de entrada para proteger toda a casa.

O costume norte-americano de vestir-se com trajes típicos e sair pelas casas dizendo Trick or treating, nas noites de Halloween, é de origem céltica. Nos tempos antigos, o costume não era relegado às crianças, mas sim aos adultos. Em tempos ancestrais, os vagantes iam cantando cânticos da época de casa em casa e eram presenteados com agrados pelo seus habitantes. O Treat (presente) também era requerido pelos espíritos ancestrais nessa noite através de oferendas.

O Deus neste período é identificado com os animais que eram sacrificados para continuidade da vida.

Samhain é um tempo para a reflexão, no qual olhamos para o ano mágico que passou e estabelecemos as metas para nossa vida no ano que entra.

Correspondência de Samhain

Cores: preto e laranja

Nomes Alternativos: Festa de Todos os Santos, All Hallows, Mischief Night, Hallowmas, Noite de Saman, Samaine, Halloween, All Hallows Eve.

Deuses: Deuses Anciãos, a Deusa na sua face da Anciã, o Deus como o Senhor das Sombras.

Ervas: nós-moscada, sálvia, menta, mirra, patchuli, artemísia, alecrim, musgo, calêndula, louro, mandrágora.

Pedras: obsidiana, floco de neve, ônix, cornalina, turmalina negra, âmbar, granada, hematita.

Atividades:
Tomar resoluções para serem colocadas em prática no próximo ano que se inicia.
Queima de pedidos.
Confeccionar um Jack O'Lantern.
Fazer oferendas de maçãs e pães no jardim dos ancestrais.
Adivinhação através do Tarô, das Runas, da bola de cristal, da vidência em espelho negro e caldeirões com água.
Fazer máscaras que expressem a sua sombra.
Confeccionar vassouras.
Confeccionar um Bastão Mágico.
Confeccionar uma Witch's Cord (Corda de Bruxa) para proteção durante o decorrer do ano. Acender uma vela laranja à meia-noite para atrair sorte no ano que se inicia.
Erigir um Altar com a foto de seus ancestrais amados e colocar oferendas sobre ele, demonstrando seu agradecimento e reconhecimento pelos feitos deles na Terra.
Comidas e Bebidas Sagradas: maçã, romã, nozes, cidra, vinho quente, abóbora, chá de ervas, batata.

Queima de Pedidos

A Queima de pedidos é um dos rituais tradicionais de Samhain. Nele banimos tudo o que tivemos de negativo e pedimos o que queremos atrair de positivo para o ano mágico que se inicia.

Para isso você vai precisar de:

Dois pedaços de papel em branco;
Um lápis;
Álcool de cereais;
Folhas de louro;
Seu Caldeirão.

Num dos papéis escreva tudo aquilo que você quer afastar de sua vida: obstáculos, doenças, pessoas indesejadas, dificuldades, etc.

No outro escreva tudo aquilo que você quer atrair para a sua vida: saúde, prosperidade, amor, sucesso, etc.

Seja bem específico em seus pedidos e não se esqueça de no final assinar e colocar a seguinte frase: Que tudo isso seja correto e para o bem de todos.

Coloque um pouco de álcool no seu Caldeirão, acenda-o e jogue o primeiro papel, aquele que contém as coisas que você quer afastar, no fogo. Enquanto o papel queima, mentalize o mal sendo afastado. Peça à Deusa e ao Deus que todas as forças negativas sejam anuladas e que o mal seja banido.

Espere o fogo acabar, então coloque um pouco mais de álcool no Caldeirão, tomando o devido cuidado, pois o álcool quando colocado em um recipiente quente evapora e pode entrar em combustão espontaneamente. Jogue então o segundo papel, aquele que contém as coisas que você quer atrair para a sua vida, no fogo. Coloque as folhas de louro nas chamas, sempre mentalizando as boas coisas que você quer atrair para a sua vida.
Quando o fogo acabar, concentre-se na fumaça, provocada pelas folhas, subindo os céus, e peça que seus pedidos se elevem ao mundo dos Deuses.

Confeccionando um Jack O'Lantern
A confecção do Jack O'Lantern é uma atividade tradicional desse Sabbat. Eles enfeitam toda a nossa casa no decorrer do dia, além de servirem de ornamentação indispensável para a cerimônia de Sabbat.
Coloque um Jack do lado de fora de sua casa na noite de Samhain para afastar o s maus espíritos e visitas indesejadas de outros planos.

Para confeccionar um Jack você vai precisar de:
· Uma abóbora ou moranga;
· Uma faca;
· Uma vela branca;
· Um óleo essencial de patchuli.

Faça uma tampa na parte superior da abóbora, retire suas sementes e com a faca entalhe uma face na abóbora da forma que você achar melhor. Unja a vela branca com a essência de patchuli e coloque-a dentro da abóbora. Acenda a vela dizendo:

Com esta vela, por esta luz e pela brisa que vem do além Eu dou as boas-vindas aos espíritos nesta noite de Samhain.


Trançando uma Corda de Bruxa
Trançar uma Corda de Bruxa (Witch's Cord)
é um ato tradicional na noite do Samhain.
Elas simbolizam o cordão que liga todos nós ao Outro Mundo, além de serem uma representação simbólica do cordão umbilical que traz todos à vida terrestre.

A Corda de Bruxa é confeccionada utilizando cores apropriadas que simbolizem aquilo que você quer atrair para sua vida no ano mágico que se inicia. Por isso escolher a cor correta para confeccionar sua Corda de Bruxa é essencial:

Branco: Para harmonia.
Vermelho: Para afastar os inimigos, vencer os obstáculos, atrair garra e coragem.
Laranja: Para sucesso e prosperidade.
Rosa: Para atrair amor.
Preto: Para proteção e afastar o azar.
Verde: Para abundância.
Amarelo: Para atrair saúde e ter sorte no comércio.
Caso sua necessidade seja maior do que apenas uma cor pode lhe oferecer, você poderá escolher até três cores diferentes que representem os seus desejos para o próximo ano. Pegue três barbantes na cor ou cores escolhidas e corte-os na medida de sua altura. Então comece a trançar os barbantes, sempre mentalizando aquilo que você quer atrair para a sua vida, pedindo que a Deusa e que o Deus lhe auxiliem e abençoem a corda que você está trançando.

Quando tiver terminado, costure ou cole alguns símbolos no decorrer da corda que representem o seu objetivo. Por exemplo: corações para amor; moedas para prosperidade, etc.

Coloque a sua Corda sobre o seu Altar durante a celebração do Sabbat e consagre-a durante a cerimônia.

Pendure a sua Corda de Bruxa em um lugar de sua casa e, sempre que visualizá-la, lembre-se dos objetivos que o motivaram a confeccioná-la. Assim sua vontade será ativada.


O Ritual de Samhain
Material necessário:
· Caldeirão;
· Uma vela preta;
· Uma vela laranja;
· Uma maçã;
· Um pão feito por você;
· Uma romã;
· Dois pedaços de papel em branco;
· Lápis;
· Alecrim; · Uma colher de pau;
· Álcool de cereais;
· O Cálice com vinho.

Procedimento: Coloque o Caldeirão sobre o Altar e disponha a vela laranja do lado direito e a vela preta do lado esquerdo. Coloque a maçã perto da vela laranja e a romã perto da vela preta. Trace o Círculo Mágico e então diga:

Neste dia sagrado, no qual o véu que separa os mundos se encontra mais fino, somos visitados por nossos ancestrais.
Que a Deusa Anciã e o Senhor das Sombras possam abençoar todos os amados que viverem partilhar deste Rito de Sabbat.

Acenda as velas, dizendo:

Sagrados Ancestrais, venham a mim.
Nesta noite eu canto a magia e realizo este ritual em homenagem àqueles que partiram ao País de Verão.
Que este Rito seja agradável aos olhos daqueles que já se foram.
Abençoados sejam todos eles.
Eleve o Caldeirão, dizendo:
Este é o ventre da Mãe, o Caldeirão dos fins e recomeços.

Coloque-o novamente no lugar e pegue um pedaço de papel. Nele escreva tudo o que você quer afastar de sua vida. Acenda-o na vela preta e deixe-o queimar dentro do Caldeirão.
Pegue o outro pedaço de papel e escreva tudo o que você quer atrair para a sua vida.
Acenda-o na vela laranja e deixe-o queimar dentro do Caldeirão.
Coloque o alecrim no Caldeirão, junto com as cinzas, e comece a mexer a mistura no sentido horário, dizendo:

Que o velho morra e que o novo possa entrar.
Pelo poder da Vida e da Morte,
Saúdo os espíritos desta noite de Samhaim.
Coloque um pouco de álcool no Caldeirão e então ponha fogo, dizendo:
Através desta luz e o elo mar além,
Saúdo todos os espíritos nesta noite de Samhaim. Olhe para as chamas do fogo e mentalize todos os seus desejos.

Com o seu Athame, abra a romã, com algumas sementes, enquanto pensam todas as coisas negativas que quer afastar de sua vida. Coloque algumas sementes no fogo.
Parta a maçã ao meio, coma uma das partes e jogue um pequeno pedaço nas chamas do
Caldeirão. Mentalize agora tudo o que você quer atrair de positivo.

Com a sua colher de pau, mexa o conteúdo de seu Caldeirão e então diga:

Que o negativo se torne positivo,
Que o mal se transforme em bem,
Que a doença se torne saúde,
E o ódio em amor.

Beba um gole do vinho e despeje um pouco dentro do Caldeirão, fazendo uma libação, enquanto diz:

Faço esta libação em homenagem à Deusa e ao Deus.
Homenageio também a todos os meus Ancestrais.
Que assim seja e que assim se faça!
Toque o pão com o Bastão e diga:
Eu te consagro em nome dos Antigos.
Que você me traga saúde, sucesso, prosperidade e amor.
Coma um pedaço do pão.

Cante, dance e festeje em homenagem à Deusa e aos seus antepassados.
Agradeça aos Ancestrais e destrace o Círculo.
Coloque o resto do pão no seu jardim ou aos pés de uma árvore como oferenda aos seus ancestrais.
(fonte: WICCA A Religião da Deusa de Claudiney Prieto)

NÃO FUJA DA TRISTEZA

NÃO FUJA DA TRISTEZA
Amado Osho,

Em algum ponto, existe um medo que me faz ficar fechado, enrijecido, triste, desesperado, com raiva e impotente. Parece ser tão sutil, que eu não consigo nem entrar em contacto com ele. Como posso vê-lo com mais clareza?


O único problema em relação à tristeza, ao desespero, à raiva, à impotência, à ansiedade, à angústia, à miséria, é que você quer se livrar deles. Esta é a única barreira. Você tem de conviver com eles. Não pode simplesmente fugir. São nessas situações que a vida se integra e cresce. São os desafios da vida. Aceite-os. São bênçãos disfarçadas. Quando você quer fugir deles, quando quer de algum modo evitá-los, é que o problema surge - pois quando se quer fugir de algo, nunca se olha diretamente. E a coisa começa a se esconder, porque você a condena; a coisa vai entrando cada vez mais no inconsciente, escondendo-se nos cantos escuros do seu ser, onde você não pode encontrá-la. Move-se para o porão do seu ser e ali se esconde. E, é claro, quanto mais fundo for, mais problemas causará - porque, então, começará a agir a partir de cantos desconhecidos do seu ser e você ficará completamente desamparado.Portanto, a primeira coisa é: jamais reprima. Esta é a primeira coisa; seja o que for que esteja acontecendo, está acontecendo. Aceite e deixe acontecer - deixe que venha à tona. Na verdade, dizer apenas "não reprima" não é suficiente. Se você me der permissão, gostaria de lhe dizer: acolha tudo como a um amigo. Se você está se sentindo triste, permita-o. Sinta compaixão por isso. A tristeza também tem um ser. Permita-a, abrace-a, sente-se com ela, dê-lhe as mãos, seja amigável. Seja amoroso com ela. A tristeza é bela! Não tem nada de errado com ela. Quem lhe disse que há algo de errado em estar triste? De fato, somente a tristeza lhe dá profundidade. A risada é superficial, a felicidade está na pele. A tristeza vai até os ossos. Nada vai tão fundo quanto a tristeza. Assim, não se preocupe. Permaneça com ela e ela irá levá-lo ao próprio centro do seu ser. Você pode dar uma volta com ela e você será capaz de conhecer algumas coisas novas sobre o seu ser, coisas que você nunca conheceu antes. Coisas que só podem ser reveladas em um estado de tristeza - elas não podem jamais ser reveladas em um estado de felicidade.
A escuridão também é boa e a escuridão também é divina. Não só o dia é de Deus, a noite também é dele.
Eu chamo isso de uma atitude religiosa.
OSHO. The Art of Dying, # 10
http://br.groups.yahoo.com/group/luz/message/26547

MUDANÇA

MUDANÇA

Desejamos mudar se não houver risco, e isso é impossível. Esta condição – de que não haja risco – torna impossível mudar, porque tudo precisa ser colocado em jogo, e somente então a mudança será possível.


A mudança não pode ser parcial. Ou ela é, ou ela não é – ela somente pode ser total. Assim, a decisão é entre ser ou não ser. Trata-se de um salto, e não de um processo gradual. Se você estiver realmente saturado da vida que você tem vivido, se estiver realmente saturado dos seus velhos padrões, então não haverá problema. É fácil, muito fácil mudar se você entender que tem vivido uma vida que não vale muito, que não trouxe coisa alguma, que nunca permitiu florescer.


Não é uma questão de reconhecimento mundano. As pessoas podem considerar que você foi bem-sucedido, que você tem todas as qualidades que elas próprias gostariam de ter, mas esse não é o ponto. No fundo, você sente uma estagnação, um congelamento, um encolhimento, como se já estivesse morto, como se algo estivesse fechado. O sabor da vida, a poesia, o fluxo, a canção desapareceram; a fragrância já não está presente. Você segue em frente porque precisa seguir...


O que você pode fazer?


Você parece quase uma vitima das circunstâncias, do acaso, como um fantoche, sem saber o que está fazendo, aonde está indo, de onde veio, quem é você.


Se você realmente achar que isso tem sido assim, a mudança será muito fácil. Na verdade, ela é um fenômeno tão espontâneo que nada precisa ser feito a respeito. A própria compreensão traz a mudança. A compreensão é uma revolução radical, e não existe outra revolução.
Osho
http://br.groups.yahoo.com/group/luz/message/26563

Exercícios para mente e para o corpo

Exercícios para mente e para o corpo
Yoga é uma antiga filosofia de vida que se originou na Índia há mais de 5000 anos. Não obstante, ele figura ainda hoje em todo o mundo como o mais antigo e holístico sistema para colocar em forma o corpo e a mente. Literalmente, Yoga significa união pois ele une e integra o corpo, a mente e nossas emoções para que sejamos capazes de agir de acordo com nossos pensamentos e com o que sentimos. O Yoga nos induz a um profundo relaxamento, tranqüilidade mental, concentração, clareza de pensamento e percepção interior juntamente com o fortalecimento do corpo físico e o desenvolvimento da flexibilidade.
Existem várias modalidades de Yoga, cada uma enfocando um aspecto mais do que outro. As técnicas mais utilizadas são:

Ásanas: os exercícios físicos que fortalecem o corpo, aumentam sua agilidade e previnem contra várias doenças, principalmente as psicossomáticas. Diferente de outros métodos, os exercícios são feitos respeitando o alinhamento das cadeias musculares e com total consciência do corpo. Assim, não há risco de distensões ou lesões. Além disso, os ásanas desbloqueiam áreas tensas que impedem o fluxo da energia vital. Em última análise, as doenças surgem quando esse fluxo não é adequado.

Pránáyáma: são os exercícios respiratórios. No ínicio, eles vão reeducar os músculos envolvidos na respiração ampliando-a e melhorando a absorção do oxigênio. Depois, eles atuam em nossas emoções auxiliando-nos a lidar melhor com elas e produzindo um estado de equilíbrio interior. Os pránáyámas também agem diretamente sobre nossa energia, aumentando-a e melhorando sua distribuição pelo corpo.

Yoganidra: aqui, aprendemos a descontrair conscientemente cada músculo e cada parte do nosso corpo. Depois, nos imaginamos envolvidos por uma cor específica ou passeamos mentalmente por praias paradisíacas, belas montanhas, campos floridos, etc. Tudo isso para que possamos sair da agitação do cotidiano e perceber outras formas de viver com mais tranqüilidade. A serenidade advinda desses momentos é deliciosa e permanece por vários dias.

Meditação: meditar é sentar-se quieto e observar a si mesmo. Estamos sempre preocupados em conhecer tudo aquilo que está ao nosso redor mas nos empenhamos muito pouco em descobrir o que acontece dentro de nós: como lidamos com os fatos da vida, como pensamos, como sentimos, quais nossas verdadeiras aspirações. A meditação nos oferece a possibilidade de nos conhecermos mais profundamente.



Pontos vitais do yoga:

Exercícios corretos
Respiração Atenção Atitude Conhecimento correto
Benefícios para a saúde:

Mais Vitalidade
EquilíbrioSerenidadeBem-estar
Harmonia


O Yoga atua em todos os níveis do nosso ser: físico, mental e emocional. Mas o que torna o Yoga único é o fato dele não apenas alongar todas as partes do corpo, mas também massagear os órgãos internos e as glândulas. Ele coordena o sistema respiratório com o corpo físico, relaxa os músculos e a mente, estimula a circulação e aumenta a provisão de oxigênio em todos os tecidos. As costas, peito, sistema digestivo e pulmões são os mais beneficiados pelos exercícios e o resultado é que o processo de enrijecimento devido à inatividade, o cansaço, a postura incorreta e o envelhecimento é revertido. A prática regular do Yoga garante uma qualidade de vida muito melhor, livre dos efeitos nocivos da correria e da tensão do cotidiano.
http://br.groups.yahoo.com/group/portal_paganus/message/11654

Água Cromatizada

Água Cromatizadapor Marcia vizenttini - marcia_vizentini@yahoo.com.brVocê pode estar fazendo uso da cromoterapia no seu dia-a-dia através da solarização de água mineral ou filtrada. Veja a seguir como preparar sua água solarizada.
Pegue um recipiente de vidro por onde possa passar a energia solar. Você pode usar um recipiente colorido na cor desejada ou envolve-lo em papel celofane colorido.Faça da seguinte maneira: pegue um recipiente de vidro, passe por toda sua volta o papel celofane escolhido, coloque água mineral ou filtrada, deixe no sol forte por uma hora, meio-dia no sol fraco ou o dia todo em dia chuvoso.
Você deve tomar 3 copos ao dia: um em jejum pela manhã, outro antes do almoço e outro antes do jantar. Você pode deixar na geladeira, só não poderá levar ao fogo.
Indicações das cores a serem usadas:
Laranja - Desobstruidor de artérias e vasos, auxilia no tratamento de pedras no rim e vesícula biliar, nódulos e cistos, colesterol e triglicerídes.
Vermelha - Bom para problemas no fígado, fortifica o sangue, eleva a pressão arterial, (não use caso tenha taquicardia, febre e hipertensão).
Azul - Calmante, bom para febres, inflamações, pressão alta, problemas cardíacos.
Indígo - Sistema linfático, processos inflamatórios de olhos e ouvidos e respiratórios e tireoíde.
Violeta - Calmante para sistema nervoso central, fortifica sistema imunológico, tumores malignos, auxilia no tratamento de AVC, Parkison e Alzheimer.
Verde - Antissético, laxante, infecções e problemas músculo-esqueléticos.
Amarela - Fortificante do sistema nervoso, pâncreas, aparelho digestivo e vermífugo.
Se você faz uso de medicamentos não deixe de tomá-las. Consulte sempre seu médico.
http://somostodosum.ig.com.br/clube/artigos.asp?id=5447

5 Cs para criar adolescentes felizes

5 Cs para criar adolescentes felizes :: Adília Belotti ::

Não é fácil entrar no mundo adulto. Mas novos estudos sugerem que desenvolver algumas competências pode ajudar...

Detesto essa expressão “aborrescente”! É tão cheia de si, tão gorda e de nariz empinado...Aborrescentes... Impossível não sentir certo incômodo, de vida congelada numa imagem de outdoor, casas arrebentando de ‘tudos’, TVs imensas sempre ligadas, jardins não-me-toques, piscinas pintadas de azul, seres não-aborrescentes vivendo aqui e ali vidinhas aborrecidas e espantadas, imaginando afinal por que esses aborrescentes fazem tanto barulho lá embaixo, trancados no porão? Mas, não têm TUDO essas criaturas? Lembro do convite irônico de um jornal francês velho e talvez meio nostálgico: “Os velhos no asilos, os jovens nos acampamentos, iuupi!!! Lá vamos nós para o Clube Med”! Brrrrr, que medo!!!

Sou daquela safra retardatária de adultos, que pegaram já estourando na praia, a onda gigante de rebeldia dos jovens do planeta... ainda assim estávamos todos lá, na traseira do caminhão que levava “Nós que amávamos tanto a revolução” direto para as barricadas do sexo, drogas e rock’n roll, paz e amor, abaixo a ditadura, é proibido proibir! Você lembra?
Tire o ranço romântico que as lembranças sempre carregam e sobra o quê? Sobramos nós, tentando passar de um lado para outro da vida, sem garantia nenhuma de que o que vamos encontrar não é só uma versão envelhecida e desesperançada de nós mesmos... aborrescentes... todos não fomos? Mas a gente confiava que era mais do que isso...

Nossos ancestrais usavam rituais de passagem para ajudar os muito jovens a entrarem no mundo dos adultos. Nada que lembrasse uma festinha inocente, ao contrário, esses rituais incluíam práticas bem dolorosas, como... escarificações, tatuagens, piercings, isolamento, provas de fogo... nunca foi fácil virar adulto, você sabe...
Um estudo publicado na revista Newsweek, cujo objetivo era determinar quais seriam as características ou as “qualidades” que fariam um jovem tornar-se adulto de maneira mais tranqüila, mais amadurecida e com menos sofrimento na bagagem, revelou o que os estudiosos estão chamando de “5Cs” fundamentais:

Competência para lidar tanto com as provas de matemática, quanto com as provas de afeto e de convivência social;
Confiança para lidar com os altos e baixos da vida, superar as frustrações do caminho e acreditar que dá sim para cada um de nós fazer diferença;
Conexão ou capacidade de criar vínculos, não só com os amigos, mas com os outros seres todos que compartilham desses espaços chamados cidades, onde a anda se trombando e se desconhecendo, lembram do filme Crash?
Caráter ou integridade ou dignidade ou moral ou valores éticos...
Cuidado ou compaixão pelos outros, um sentimento ainda que confuso de justiça social.

Esses 5Cs dão origem a um sexto C, Contribuição.

Jovens que têm essas competências, em geral, acabam se engajando em serviços comunitários ou em outras atividades do gênero. E crescem para se tornarem adultos mais amadurecidos e mais felizes...

Li, li, e fiquei pensando, será que esses 5Cs valem só para os adolescentes?
Leia aqui o Study of Positive Youth Development, conduzido pelo dr. Richard Lerner, na íntegra. E um outro artigo muito interessante sobre a relação entre os 5Cs e a espiritualidade do mesmo autor
Adília Belotti é jornalista e mãe de quatro filhos. É editora responsável pelo Delas, o site feminino do portal IG, onde tem uma coluna chamada Toques de alma. Além disso, cuida do IgEducação e de um site de cultura multimídia, o Arte Digital. Agora também é colunista do Somos Todos UM. Em 2006 lançou seu primeiro livro: Toques da Alma, clique e confira.Email: belotti@brti.com.br
http://somostodosum.ig.com.br/conteudo/conteudo.asp?id=5709

Viste o gato?


Tenha consideração pelas arvores


quinta-feira, 22 de julho de 2010

SABOREI SEU CAFÉ...

SABOREI SEU CAFÉ..

.Um grupo de ex-alunos, todos muito bem estabelecidos profissionalmente, sereuniu para visitar um antigo professor da universidade.
Em pouco tempo, a conversa girava em torno de queixas de estresse notrabalho e na vida como um todo.
Ao oferecer café aos seus convidados, o professor foi à cozinha e retornoucom um grande bule e uma variedade de xícaras - de porcelana, plástico, vidro, cristal;
Algumas simples, outras caras, outras requintadas; dizendo a todos para seservirem.
Quando todos os estudantes estavam de xícaras em punho, o professor disse:
"Se vocês repararem, pegaram todas as xícaras bonitas e caras, e deixaram as simples e baratas para trás.
Uma vez que não é nada anormal que vocês queiram o melhor para si, isto é a fonte dos seus problemas e estresse.Vocês podem ter certeza de que a xícara em si não adiciona qualidade nenhuma ao café. Na maioria das vezes, são apenas mais caras e, algumas vezes, até ocultam o que estamos bebendo. O que todos vocês realmente queriam era o café, não as xícaras, mas escolheram, conscientemente, as melhores xícaras... e então ficaram de olho nas xícaras uns dos outros.
Agora pensem nisso: A Vida é o café, e os empregos, dinheiro e posição social são as xícaras. Elas são apenas ferramentas para sustentar e conter a Vida e o tipo de xícara que temos não define, nem altera, a qualidade de Vida que vivemos.
Às vezes, ao concentrarmo-nos apenas na xícara, deixamos de saborear o café que Deus nos deu.

"Deus coa o café, não as xícaras... saboreie seu café

Geléia exótica de maçã e capim cidreira (chá principe)


Ingredientes
3 xícaras (chá) de água
100g de capim cidreira
100g de maçã desidratada
2½ xícaras (chá) de açúcar demerara
Suco de ½ limão

Preparo

Leve ao fogo em uma panela a água com o capim cidreira e faça um chá, coe e volte este chá para a panela com a maça desidratada, o açúcar e o suco de limão, levando ao fogo novamente. Deixe cozinhar por 10 minutos. Retire do fogo, processe e leve ao fogo novamente até ficar em ponto de geléia (10 a 15 minutos). Coloque em um vidro esterilizado, volte os vidros em uma panela, cobrindo com água fria e leve ao fogo por 20 minutos. Retire cuidadosamente e deixe esfriar.
Dicas
O limão adicionado nas geléias de frutas servem para dar uma boa tonalidade , realçando o aroma e dando uma consistência satisfatória.
Origemhttp://www.casagourmet.com.br/cgm/recipes.asp?recipeId=5314

quarta-feira, 21 de julho de 2010

tabela -alguns oleos essenciais


O Mel e a Beleza da sua pele

Saiba o que o mel pode fazer por sua pele

Os povos da antiguidade, não buscavam no mel só energia, mas principalmente, beleza para a pele, cabelos e vitalidade.
Cleópatra, era famosa pelos seus banhos de mel, assim como a esposa de Nero, imperador romano, que aplicava em seu rosto, uma loção à base dos mesmos ingredientes, para manter seu aspecto sempre jovial. O segredo dos gregos, era usar o mel por dentro e o óleo por fora do corpo. Na Índia, o mel era consumido como uma espécie de elixir da juventude.
Hoje em dia, o mel é ingrediente indispensável em xampus, máscaras de beleza, condicionadores, sabonetes e muitos outros produtos, devido a demanda por fórmulas cada vez mais naturais. Estudos preliminares, revelaram que o mel tem propriedades antioxidantes muito significantes. Os antioxidantes tem o papel de proteger a pele dos efeitos nocivos dos raios UV, e de ajudar no rejuvenescimento da mesma.

Algumas receitas com mel para sua pele ficar mais bonita:

· Creme com mel para pele oleosa ou normal:
1 ovo batido
1 colher de (sopa) de leite desidratado
1 colher (sopa) de mel
Misture bem todos os ingredientes. Em seguida, aplique o creme no rosto e no pescoço por uns 15 minutos. Remova-o com água morna e depois aplique água fria no rosto.

· Creme para pele seca à base de mel e amêndoas:
1 colher (sopa) de mel
1 colher (sopa) de amêndoas doces
1 gema de ovo
1 colher (sopa) de iogurte natural
Misture todos os ingredientes e bata Até obter uma massa lisa. Passe em todo rosto e relaxe durante 20 minutos. Enxágüe com água morna e, em seguida, com fria.

· Esfoliante para o rosto com mel:
1 colher (sopa) de mel
2 colheres (sopa) de amêndoas picadas
½ colher (chá) de suco de limão (o limão é fototoxico! Fazer antes de dormir. Não apanhar sol apos a aplicação!!)
Misture os ingredientes. Aplique no rosto, delicadamente, usando movimentos circulares. Enxágüe com água morna.

· Máscara Firmadora da pele com mel e glicerina:
1 colher (chá) de mel
1 clara de ovo
1 colher (chá) de glicerina
Farinha de trigo
Misture o mel, a clara de ovo, a glicerina. Vá acrescentando aos poucos a farinha, de modo a obter um pasta consistente. Deixe agir por 10 minutos. Enxágüe com água morna.

· Hidratante com mel:
1 colher (chá) de me
l1 colher (chá) de óleo vegetal
¼ colher (chá) de suco de limão (o limão é fototoxico! Fazer antes de dormir. Não apanhar sol apos a aplicação!!)
Aplique nas mãos, cotovelos, pés, e todos os lugares que ressecam com mais facilidade. Deixe agir por 10 minutos. Enxágüe com água morna.

· Máscara Hidratante à base de mel:
2 colheres (chá) de leite
2 colheres (sopa) de mel
Aplique no rosto e pescoço. Deixe agir por 10 minutos. Enxágüe com água morna.

· Tônico Facial com mel e maçã:
1 colher (sopa) de mel
1 maçã sem casca
Bata os ingredientes no liqüidificador. Aplique a pasta no rosto e deixe agir por 15 minutos. Enxágüe com água fria.

hehehehe


Mel e a beleza dos cabelos

Como deixar os cabelos sadios
Conheça receitas à base de mel para dar mais beleza aos seus cabelos:

· Creme Hidratante com mel:
½ xícara (chá) de mel
¼ xícara (chá) de azeite
Use 2 colheres (sopa) para cabelos normais. Misture os ingredientes e aplique nos cabelos, massageando o couro cabeludo durante uns 3 minutos. Cubra-os com uma toalha previamente aquecida e deixe agir por 30 minutos. Remova a toalha, e lave os cabelos normalmente. Hidrata e dá brilho.

· Máscara hidratante com mel:
2 colheres (sopa) de mel
2 colheres (sopa) de óleo de amêndoas doces
1 colher (sopa) de azeite
1 gota de essência (opcional e a gosto)
Misture os óleos em banho-maria. Retire do fogo e adicione o mel. Bata energicamente e coloque a essência. Passe nos cabelos vinte minutos antes da lavagem, cobrindo-os com uma toalha previamente aquecida.

· Cabelos com o brilho do mel:
1 colher (chá) de mel
4 xícaras (chá) de água morna
Misture os ingredientes e aplique nos cabelos após o xampu. Não enxágüe. Seque como de costume.

· Xampu de mel:
1 litro de água
2 colheres (sopa) de mel
Aqueça a água e misture com o mel. Use no lugar do xampu. Amacia os cabelos e retarda o aparecimento dos fios brancos.

· Condicionador para cabelos crespos à base de mel:
½ xícara (chá) condicionador
¼ xícara (chá) de mel
1 colher (sopa) de óleo de amêndoas
Misture os ingredientes, batendo bem. Aplique a mistura sobre os cabelos húmidos, e deixe agir por 20 minutos.

Emplasto - linhaça para ciatica

Emplastos
Autor/Fonte: Acessos: 2606
Uso das Plantas

Emplastos são aplicações de plantas curativas quentes, misturadas a um espessante qualquer, para conservar o calor e facilitar a aplicação.
Se o espessante for farinha de linhaça, você terá também o efeito do óleo e das propriedades da linhaça, você terá também o efeito do óleo e das propriedades da linhaça que favorecem o resultado da aplicação.
Exemplo de emplasto:

Para aliviar dor "ciática":
1/2 litro de farinha de linhaça ou farinha de mandioca (se usar farinha de mandioca, acrescente 2 a 3 colheres [sopa] de óleo de oliva, dendê, pequi, jaborandi, etc).
3 xícaras de agrião, rúcula, repolho ou rabanete
1 xícara de cebola picada
6 colheres (sopa) de tomilho ou orégano
Pique bem as ervas recomendadas, junte a farinha e vá despejando água fervendo, mexendo com colher de pau em vasilha de louça, até formar uma massa própria para moldar. Não coe as plantas no emplasto; elas devem permanecer, oferecendo suas propriedades durante toda a aplicação. Teste a temperatura e aplique na espessura de 2 centímetros, diretamente na pele, no local da dor. Cubra com panos de algodão e lã e bolsa de água quente, para conservar o emplasto aquecido.
Para casos de ciática é necessário usar a bolsa de água quente, cobrindo o emplasto, ou toalha aquecida no fogo, para que o calor por mais tempo garanta também a ação das ervas.
Outros usos das plantas:
http://www.portalnatural.com.br/mostramateria.asp?codigodamateria=25

Sinusite

Sinusite
A sinusite é uma infecção causada pela presença de germes nas cavidades do osso em torno do nariz, provocando congestão e dor de cabeça.
Sinusite é a inflamação dos sinus faciais, causadas por bactérias, fungos, vírus, infecções dentais e resfriados, resultando em congestão nasal, produção de muco purulento, e dores nas regiões posteriores da cabeça.
è Evite natação e excesso de exercícios ao ar livre.

Remédios Caseiros
-> Beber suco de frutas sem açúcar e alternar compressas quentes e frias com sal na área afetada.
-> Cheire 1 dente de alho fatiado.
-> Beba muita água, canja de galinha e sopa de vegetais.
-> Faça uma infusão com suco de 1 limão, 3 fatias de gengibre fresco, 1 pedaço de pimenta vermelha, 2 dentes de alho amassados e 2 colheres (chá) de mel.
- Fazer uma inalação com buchinha do norte.
- Óleo de Copaíba - > 1 gota em cada narina a cada 10 dias.

Aromaterapia
Alecrim (quimiotipo II), eucalipto, hortelã-pimenta, cipreste lusitanica, tea tree, tomilho, mostarda (apenas preparado por um aromotologista, pois óleos como o de mostarda tem uso restrito por ter efeito semelhante ao gás mostarda).

‘Bafos’de eucalipto (o normal que temos aqui no sul) com uma pitada de bicarbonato (que desobstrui as vias respiratórias).
Associado a isto um chá bem forte de camomila (Matricaria Chamomilla), utilizada para lavar os olhos e boca nas crises.

Fitoterapia Ocidental

Cabacinha do Norte: Cabacinha do norte; 01 copo; Pano virgem.
Corte a cabacinha em 04 partes, lave e retire a casca e as sementes. Faça um chá e deixe em fusão durante três dias dentro de um copo. Coe em pano virgem bem limpo, filtrar em algodão e usar uma gota por dia em cada narina.

Mel com Opérculo: Para sinusite, existe um remédio natural que não é tão fácil encontrar. Mas não custa tentar: Você sabe que nos alvéolos das colméias, depois que as abelhas operárias os enchem de mel (néctar regurgitado) as abelhas cerieiras recolhem um pouco de própolis da própria caixa/colméia e misturam numa bolinha de cera com uma gota de veneno. Essa bolinha é puxada para tampar o opérculo onde o mel ficará guardado para alimentar as crias e protegido de insetos invasores. Nas produções industriais e caseiras essa massinha da tampa de opérculo é raspada para que o mel escorra ou saia sob ação de uma centrífuga. Na industria todo material destas tampinhas é vendido para os laboratórios (principalmente dos japoneses). Todavia, você pode conhecer alguém que tenha um pequeno apiário ou consiga obter os favos da Natureza. Essa massinha da tampa de opérculo, quando obtida deve ser misturada ao mel numa proporção de 20x1.
Esse mel com tampa de opérculo é excelente para sinusite, rinite, qualquer inflamação da garganta e das mucosas. Nas cidades do interior é mais fácil conseguir nos apiários.

Outros: Buchinha Paulista (sem sementes), Sálvia (salvia oficcinallis), Girassol (hellianthus annus), Imburana, Alfazema (lavandulla oficcinallis), Carapia, Cânfora (arthemisia canphorata), Alecrim (rosmarinus oficcinallis), Romã (punica granatun - fazer pó ou óleo para a sinusite). Buchinha do norte (sem sementes), eucalipto, unha de gato (ficus pumilla), alho (alliun sativus), gengibre (zingiber oficcinallis).
http://groups.yahoo.com/group/ninho/message/5001

Máscaras de beleza

Receitas (retiradas da internet)
Máscaras de beleza
Você não precisa gastar muito dinheiro para se cuidar, basta conhecer algumas receitas simples e naturais para sua pele ficar mais bonita!

Esmague uma banana, adicione uma colher de café de óleo de amêndoa doce e misture. Aplique sobre o rosto e deixe atuar por alguns minutos. Lave delicadamente com água morna e repita o tratamento uma vez por semana.

Esmague um pepino, esprema a polpa para recolher o sumo e misture com o sumo de um limão. Esta loção tônica purifica o rosto e fecha os poros.

Triture um molho de espinafres crus e acrescente um coração de alcachofra cru. Aplique o creme obtido no seu rosto previamente limpo. Conserve essa máscara durante meia hora.

Esmague um pêssego e aplique a polpa obtida sobre seu rosto. Essa fruta acalma e descongestiona as epidermes irritadas.

Faça a sua máscara misturando mel e sumo de limão. Aplique sobre o seu rosto durante vinte minutos. Tire a máscara com água fervida.

Para aliviar inchaços nos olhos esmague uma batata para extrair o sumo e aplique sobre o rosto. Pode também utilizar as tipas da batata para aplicar sobre os olhos.

A beleza do corpo e o mel

Saiba o que o mel pode fazer pelo seu corpo

Conheça algumas receitas com mel que podem beneficiar suas mãos e seu corpo:

· A maciez do mel nas suas mãos:
2 colheres (sopa) de água
1 colher (sopa) de mel
Aqueça ligeiramente a água. Junte o mel e bata bem. Apliquenas mãos fazendo massagens e deixe permanecer por 15 minutos.

· Creme com mel e amêndoas para as mãos:
10ml. de óleo de amêndoas doces
10gms. de cera branca (pode usar amarela e/ou pura)
1 colher (sopa) de mel
1 gema de ovo
Misture em banho-maria a cera e o óleo de amêndoas. Bata até obter uma mistura uniforme. Coloque o mele a gema de ovo. Continue a bater por mais 10 minutos. Aplique nas mãos fazendo massagens da ponta dos dedos aos pulsos.

· Banho amaciante com mel:
Adicione ¼ de xícara (chá) de mel na água, para um banho cheiroso e sedoso.

terça-feira, 20 de julho de 2010

BANHOS mágicos

BANHOS

Autoria: Sibyla Rudana
Actualmente, os banhos de ervas, folhas e flores sofrem a influência de diversas culturas. Este conhecimento garante que os banhos podem lavar o corpo e a alma, renovando as energias da aura humana, espantando a má sorte e atraindo a felicidade para nós. É só comprovar, pois há banho para tudo.

Dicas Importantes
1. Os banhos devem ser acompanhados de preces pessoais espontâneas e sinceras. Peça. Converse com os Deuses.
2. As flores e ervas frescas não devem ser fervidas. O valor energético das mesmas se perderá.
3. Caso não consiga flores e ervas frescas, você pode usá-las secas. Neste caso, poderá colocá-las em água fervente e abafá-las. Evite fervê-las.
4. Se estiver sentindo frio, acrescente ao banho, já preparado, uma quantidade de água mineral quente.
5. Os resíduos dos banhos devem ser devolvidos à natureza. Coloque os resíduos num jardim ou no mar. Não se joga no lixo flores e ervas utilizadas em banhos energéticos, pois, se forem devolvidas à natureza, servirão como adubo.
6. Na verdade não existe mal algum em jogar uma mistura de sal grosso e água na cabeça. Afinal de contas, nós não tiramos a cabeça para entrar no mar, onde há maior concentração de sal que nos banhos de limpeza energética. O que causa desconforto e cansaço é manter o sal no corpo por muito tempo. Por isso, três horas após um banho com sal grosso, banhe-se apenas com água, caso use o banho da cabeça aos pés.
7. Banhos preparados com ervas como arruda, comigo-ninguém-pode, espada-de-são-jorge e pára-raios não devem tocar a cabeça. Podem causar cansaço, letargia, dores e insónia. Evite-as.

Para atrair o Amor
2 litros de leite
4 colheres de mel
1 maçã vermelha ralada
2 pauzinhos de canela
Ferva o leite e acrescente os demais ingredientes. Deixe esfriar. Coe e use após o banho higiénico, da cabeça aos pés. Cubra a cabeça com uma toalha e vista-se sem enxugar-se, ou coloque um roupão.

Para Paixão
1 maçã vermelha ralada
1 maço de salsa fresca
4 litros de água mineral
4 colheres de mel de flor de laranjeira
No primeiro dia da lua cheia, coloque a água numa vasilha grande e acrescente os demais ingredientes. Coloque a vasilha num local onde possa receber o frescor da noite e a luz da lua cheia. Na manhã seguinte, coe a mistura e utilize-a, após o banho habitual, da cabeça aos pés. Cubra a cabeça com uma toalha e vista-se sem enxugar-se, ou coloque um roupão. Os homens devem retirar a salsa e utilizar o banho apenas com os outros ingredientes.

Para Fartura e Prosperidade
4 litros de água mineral
6 paus de canela pequenos
1 colher de chá de noz moscada ralada
6 folhas de louro
1 colher de sopa de erva-doce ou funcho
6 moedas douradas ou uma peça de ouro
Pétalas de rosa amarela
Num dia de lua cheia, ferva a água e acrescente os demais ingredientes, excepto as pétalas da rosa amarela. Coe. Guarde as peças de ouro e as moedas. Deixe esfriar e antes de utilizá-lo, acrescente as pétalas de rosa. Tome o seu banho habitual e utilize a mistura derramando-a generosamente da cabeça aos pés. Cubra a cabeça com uma toalha e vista-se sem enxugar-se, ou coloque um roupão.

Para Sorte e Harmonização
4 litros de água mineral
2 colheres de sopa de óleo de amêndoa para o corpo
10 gotas de essência de rosas
Pétalas de rosa branca, lírio e angélica
1 quartzo branco bruto
1 quartzo rosa bruto
1 citrino bruto
1 ametista
Numa noite de lua crescente, coloque todos os ingredientes numa vasilha grande e deixe-a num local onde possa receber o frescor da noite e a luz da lua. Na manhã seguinte, após o banho higiénico, banhe-se na mistura, comprimindo as pétalas de rosa sobre a pele do corpo. Não se enxugue. Vista-se com um roupão e enrole uma toalha nos cabelos. Vista-se com roupas claras.

Para Protecção Espiritual
10 ramos de alecrim fresco, sem os galhos
30 gotas de essência de verbena
1 punhado de sal grosso
4 litros de água mineral
Ferva a água, desligue a chama e coloque os ramos de alecrim e o sal grosso. Deixe esfriar. Macere o alecrim com as mãos, como quem esfrega uma roupa. Antes de utilizar o banho, acrescente as gotas de verbena. Banhe-se do pescoço para baixo e deixe a água secar naturalmente ou use um roupão. Duas horas depois, tome uma chuveirada, se estiver sentindo um sono anormal.

Para afastar o mau olhado ou quebranto
3 litros de água mineral
1 garrafa de cerveja clara
Misture a cerveja com a água e banhe-se da cabeça aos pés, após o banho higiénico. Enrole uma toalha na cabeça e vista-se sem enxugar-se.

Para retirar a negatividade
4 litros de água mineral
2 punhados de sal grosso
2 dentes de alho roxo cortados em cruz
5 galhos de arruda macho
5 galhos de arruda fêmea
Ferva a água com os dentes de alho cortados. Quando a água estiver morna, acrescente a arruda, tratando de macerá-la, até que esteja totalmente desfeita. Misture o sal. Deixe esfriar e coe. Use do pescoço para baixo, após o banho habitual. Passadas duas horas, tome uma chuveirada de água morna ou fria. Faça na lua minguante.



http://groups.yahoo.com/group/ninho/message/648

quinta-feira, 15 de julho de 2010

Bebidas para "Festa de Gente Magica"

Chá gelado de erva-cidreira e hortelã-pimenta
1l agua minera
1 chavena de chá de hortelã-pimenta
2 chavenas de chá de erva-cidreira
açucar amarelo
Coloca-se a agua e as ervas numa panela e lava-se ao lume forte para ferver.Quando ferver, apaga-se o lume e deixa-se ate´amornar. Depois coa-se, adoça-se a gosto e deixa-se arrefecer.Guardar no frigorifico até à hora de servir.


Limonada com laranja
(A receita era só com limões, mas eu acrescentei laranjas)
1700ml de agua
500g de limões
2 laranjas
180g de acucar amarelo
Descascam-se os limões e as laranjas com cuidado e sem a parte branca, para uma tijela; junta-se o açucar. Espreme-se o sumo dos limões e das laranjas e reserva-se. Ferver a agua e despejar sobre as cascas e o açucar. Mexer para dissolver o açucare deixar até arrefecer. Quando estiver frio, adicionar os sumos de limão e laranja. Coa-se e coloca-se numa jarra. Deixa-se gelar bem.

Bolo de laranja "Magico"

Parecia-me que as "Broinhas de Especiarias e Mel" tinha corrido mal (afinal elas ficam melhor de um dia para o outro) e resolvi que tinha que fazer outro bolo.
Andei à procura em revistas de recetias vegetarianas e encontrei uma receita simples e com ingredientes facéis.
A receita original chama-se Bolo de laranja vegan
Eu fiz o dobro da receita e acrescentei-lhe o sumo do limão e o azeite que não eram utilizados na receita original. E mais uns pozinhos de perlimpimpim, que serao opcionais.

Então, o Bolo de laranja "Mágico" é assim:

2 laranjas
700g açucar amarelo
500g de farinha trigo
100g maizena
2c. cha´de fermento em pó
200g açucar cristal
1dl de azeite
1 dl (+-)sumo de laranja
1 dl (+-)de sumo de limão (para aproveitar um limão cuja casca tinha sido usada na receita das broinhas)
Margarina (podia ter usado azeite), farinha e papel vegetal para forrar o tabuleiro de ir ao forno.

1º Aquece-se o forno a 180º. Untei um tabuleiro com margarina, coloquei uma folha de papel vegetal para forrar e voltei a untar com margarina; depois polvilhei com farinha.

Cortam-se as laranjas, sem descascar, aos bocados retirando os caroços mas deixando todas as peles e fibras. Juntam -se na liquidificadora com os sumos de laranja e limão e faz-se um puré.
Junta-se esse puré ao açucar e ao azeite e mistura-se bem. Pode-se usar um pouco a batedeira para ajudar.

Pesam-se as farinhas e o fermento e vai-se deitando na mistura de polpa de laranja e açucar e mistura-se, mexendo bem. DEita-se a massa no tabuleiro e leva-se ao formo por cercade 45 mn.

A receita original tinha uma calda feita com sumo de laranja que se deitava depois por cima, mas como com a casca de laranja e o açucar amarelo o bolo iria ficar humido, resolvi não a fazer.
em vez disos e como tinha-me sobrado açucar com especiarias de polvilhar as broinhas, resolvi aproveitar. Assim junta-se a um pouco de açucar amarelo, uma combinação de especiarias em pó que neste caso foram erva-doce, canela, noz-moscada e cominhos e juntei-lhe flor-de laranjeira e flores de alfazema secas e moidas em pó. Para o bolo de laranja aumentei a quantidade de alfazema.

Por qual Deusa Você é Regida?

As Deusas gregas têm inspirado o autoconsciência de mulheres e tocaram as suas vidas por milhares de anos. Como as sete divindades femininas afetam você? Aproveite esta questão para saber por qual Deusa você é governada- e aprenda a despertar, restabelecer e revele os poderes naturais de todas as Deusas dentro de você para alcançar um saudável equilíbrio.

1. Qual das declarações seguintes é a mais verdadeira para você?
a) Meu corpo faz eu me sentir sensual e atraente
b) Eu não gasto muito tempo pensando em meu corpo
c) Eu cuido de meu corpo, assim eu posso me exercitar e ser ativo
d) Eu estou lutando para fazer as pazes com meu corpo
e) O que eu gosto mais no meu corpo é a habilidade para conceber crianças
f) Eu gosto mais do meu corpo quando sei que meu parceiro me acha atraente
g) Minha aparência externa importa menos para mim do que o que eu sinto por dentro

2. o que você quer preservar no seu casamento?
a) A oportunidade para criar o aconchego, nutrindo a vida doméstica
b) Paixão - sem isto, o que haverá lá?
c) Amizade - esta é a chave para uma relação longa e duradoura
d) Eu seguramente não casarei
e) Uma parceria espiritual
f) Crianças-eu não posso esperar para ser uma mãe
g) Um casal equilibrado

3. seu parceiro de vida ideal é:
a) Inteligente-alguém com quem eu posso discutir todos os tipos de tópicos interessantes
b) Independente-alguém que acredite que parceiros podem ter suas próprias vidas
c) Maduro e bem sucedido - alguém cuja posição no mundo seja impressionante
d) Estável e protetor-alguém que pode prover à mim e nossa família
e) Confiante em si mesmo-alguém que nunca se sentiria ameaçado por mim
f) Orientado para se doar-alguém que se esforça para fazer tudo pelos outros
g) Apaixonado-alguém que é apaixonado e sexual como eu sou

4. quando vem a sexo, você,:
a) Você se sente satisfeita sem sexo, contanto que haja amor em sua relação
b) É despertado facilmente e desfruta sexo completamente com o parceiro, claro
c) Normalmente sente-se desajeitada e desconectada de seu corpo-é difícil deixar-se levar e deixar seu corpo desfrutar a experiência
d) Possa parecer indiferente e desmotivada no início, mas depois que você relaxa e entra no clima, qualquer coisa pode acontecer!
e) Acho o sexo uma experiência poderosa, quase transformadora
f) Gosta de agradar seu parceiro, mas normalmente não enfoca em ter suas próprias necessidades satisfeitas
g) Desfruta o dar e receber que conduz a prazer mútuo

5. Numa típica (sem filhos) tarde de sábado, você seria encontrada provavelmente
a) Assistindo uma série de leitura ou tarde de leitura com o autor , ou envolvido com a leitura de um bom livro
b) Fazendo algo atlético ao ar livre, como caminhar ou velejar,
c) Lendo meu horóscopo, meditando ou participando de alguma outra prática New Age
d) Na cozinha-cozinhando e possivelmente me preparando para me entreter em casa naquela noite.
e) Assistindo uma reunião para minha igreja ou sinagoga, ou outra associação local
f) Ajardinando ou fazendo serviço doméstico
g) Fazendo compras ou visitando um museu de arte com amigos, ou numa seção de massagem

6. se você fosse fazer um almoço para seus amigos cujos nomes estariam em sua lista de convidados?
a) Um grupo divertido de namoradas, eu me sinto confortável compartilhando tudo
b) Principalmente meu amigos homens - eu me sinto melhor com eles do que com minhas amigas
c) Alguns amigos muito íntimos, cuidadosamente escolhidos
d) Um grupo pequeno de amigos íntimos com quem eu compartilho uma conexão quase espiritual
e) Mulheres que têm filhos da mesma idade dos meus
f) As esposas e namoradas dos amigos de meu companheiro
g) Mulheres com quem eu me encontrei enquanto era voluntária em trabalhos comunitários

7. um amigo a convida para uma festa na noite de sábado que vem. Você:
a) Ache um modo para sair disto -você passa bastante tempo em casa
b) Não pode esperar para ir -você ama a vida de festas
c) Vai e coloca em dias as conversas sobre eventos atuais, política ou trabalho
d) Se entrosa livremente e nunca passa muito tempo com qualquer pessoa do grupo
e) Vai e se envolve em uma conversa intensa com uma pessoa
f) Ajuda o anfitrião ou anfitriã na cozinha e tendo a certeza de que todos estão bem e satisfeito
g) Aceita e fica perto de seu companheiro - vocês dois tendem a se entrosar juntos

8. qual profissão que mais atrai você?
a) Advogado ou executivo de negócios
b) Guia de aventura ou líder de acampamento
c) Psicoterapeuta
d) Dono de restaurante
e) Cabeça de organização voluntária
f) Enfermeira ou assistente social
g) Designer, atriz/cantora, relações públicas

9. se você pudesse construir a casa do seu sonho em qualquer lugar ou onde seria?
a) Um apartamento em uma cidade de luxo, com uma grande entrada principal, cheia de tons de ouro, cores ricas e tecidos
b) Em Nova York ou outra cidade agitada, estimulante
c) No país, perto de parques e outros espaços abertos
d) Eu não me preocupo, contanto que tenha uma energia tranqüila e calma
e) Em um vilarejo onde os vizinhos se sentem confortáveis tomando uma xícara de café juntos
f) Bairros elegantes e de alta classe
g) Em um condomínio -você quer proteção e isolamento

10. Quando você tem tempo livre, como você gosta de gastá-lo?
a) Fazendo compras, especialmente roupas,
b) Indo para uma livraria ou gastando meu tempo com leitura
c) Dando um passeio ao ar livre
d) Meditando ou despendendo tempo quieta com seus pensamentos
e) Cozinhando para a família e amigos
f) Socializando com amigos ou assistindo um evento social
g) Fazendo trabalhos voluntários

11. Seu armário de roupa está principalmente cheio com:
a) Com centenas de artigos que você comprou sem pensar ou planejar muito
b) Roupas que moldam a seu corpo em tecidos suaves, luxuosos
c) Equipamentos, você se sente confiante em causar uma boa impressão
d) Roupas de ginástica, calças jeans e outras roupas confortáveis, casuais, artigos um pouco excêntricos,
e) Artigos simples, confortáveis bom para descansar em casa e brincar com crianças
f) Estilos simples, clássicos que lhe permitem olhar uma boa aparência sem extravagância

12. Qual a coisa mais importante em sua vida?
a) Carreira
b) Independência
c) Conhecimento interior
d) Crianças
e) Matrimônio
f) Se doar aos outros
g) Romance e paixão

Por qual Deusa você é Regida?
Cada um tem aspectos de todas as sete deusas na personalidade. Algumas mulheres podem ter mais Demeter que Athena, um pouco mais Afrodite que Hera. Mas para alcançar um equilíbrio todos nós precisamos integrar características de cada uma das Deusas em nossas vidas. Identificando as qualidades das deusas em você, você pode reconhecer necessidades que deixou para trás; assistindo a essas necessidades, você pode se tornar mais confiante auto-confiante.

Para saber qual Deusa te rege é só ver qual das letras das questões acima se repete mais vezes. Procure abaixo e veja se a descrição bate com a sua personalidade.

SE VOCÊ TIVER MAIS LETRAS A - DEMÉTER.
Se você encontrou o arquétipo de Demeter, você é uma nutriz e cuidadora. Você tem um coração generoso e gosta de estender seu amor à outros. Você é motivada pelo mais poderoso dos instintos -dar a vida-e abnegadamente se dedica à vida que você cria. Você se sente compelida a querer todos ao seu redor, até mesmo se eles não são seus próprios filhos. Em resumo, você sente a necessidade para ser todas as coisas para todas as pessoas e, então, suas próprias necessidades são deixadas de lado. Você tem que aprender dizer não e usar o sentido de limites pertencente a Artemis e a habilidade de Afrodite para se colocar em primeiro plano. Desta forma, você pode dar aos outros muito mais do que tem doado, por que terá muito mais. Aprenda a incorporar as qualidades destas deusas em sua vida.

SE TIVER MAIS LETRAS B- PERSÉFONE
Se você exemplifica as qualidades de Perséfone, você tem experimentado provavelmente grandes perdas em sua vida- a perda de sua saúde ou sua segurança emocional ou física, a traição de um amigo ou amante, a perda de uma criança, seu próprio divórcio ou de seus pais. Esta experiência a forçou a enfrentar a escuridão, o seu lado escuro(o lado que culpa outras pessoas ou circunstâncias por seu próprio sofrimento) que transformou você em uma pessoa mais forte, mais independente, mais amorosa e que aceita melhor as coisas.. Também pode ter conduzido você abaixa um caminho espiritual, e a moveu em colocar grande ênfase em calma interna e em conexões íntimas com amigos. Você é capaz de abraçar, integrar e aceitar experiências difíceis. Por causa destas habilidade, você oferece para outros o presente da empatia--você sabe onde eles estão ou têm estado.

SE TIVER MAIS LETRAS C- ÁRTEMIS
Se você é governada por Artemis, seu espírito independente pertence a ninguém à não ser você mesma. Seu corpo é vibrante, sua atitude robusta e sua maneira é vigorosa e viva. Você é dirigida pelo físico em vez da energia mental. Você se sente completa sem um homem em sua vida e sua natureza essencial nunca gostaria de assumir compromisso com um parceiro. Você está qualificada em estabelecer limites pessoais e entra por conta própria em relacionamentos nas suas próprias condições--em resumo, você pode cuidar de você mesma. Esta atitude pode afastar os homens às vezes.

SE TIVER MAIS LETRAS D- ATENA
Se você é governada por Atena, você é luminoso, visionaria, astuta, diligente e inventiva. Com amigos, você é a conselheira sábia-sempre pronto com uma mensagem de incentivo. Você acredita fortemente que as mulheres podem realizar qualquer coisa que os homens façam. Você investiu muito tempo em sua carreira. Mulheres de Atena tendem a ser regidas por suas cabeças, não pelo coração. Você cuidadosamente guarda seu lado íntimo, protegendo suas emoções e vulnerabilidade. Se você quer despertar sua feminilidade não expressado, terá que usar a mesma paixão que você aplica à suas realizações intelectuais. É importante que você trabalhe para integrar seu forte lado masculino com seu lado feminino - reunindo sua força com sua vulnerabilidade, sua criatividade com seu cuidado, sua inteligência com imaginação. Caso contrário, você arrisca a cair na inafetividade e egocentrismo.

SE TIVER MAIS LETRAS E- AFRODITE
Se você é principalmente governada por Afrodite, sua feminilidade e espírito apaixonado são as forças controladoras em sua vida. Você tende a ser carismática e segura, confortável com seu corpo e desenfreada sexualmente. Os homens se sentem atraídos por você como as abelhas são atraídas pelas flores. Porém, você tende a não se envolver permanentemente com amantes por estimar sua liberdade sexual que pode fazer com que se sinta sozinha até mesmo vazia no final das relações.

SE TIVER MAIS LETRA F- HESTIA
Se você encarna as qualidades de Hestia, você entende o valor de ter seu próprio lugar sagrado, seja um quarto ou simplesmente um tempo durante o dia quando você libera sua mente de pensamentos confusos e procura pela paz mental. Não há nenhuma dúvida que este lugar é sua casa-onde você sente maior alegria. Sua casa é o seu santuário. Você está em casa dentro de você mesma onde quer que esteja, entretanto, e não importa com quem você esteja. Você sabe que o significado de sua vida floresce do seu centro espiritual. Isto traz uma grande sensação de segurança para você. Você não almeja atenção ou posses de materiais; você nutre seus amigos e família com seu amor incondicional.

SE TIVER MAIS LETRAS G- HERA
Se você possui muitas das qualidades de Hera, você tende a achar realização em relações e ver o matrimônio como uma união permanente. No casamento, você sente não nenhuma sensação de frustração ou ressentimento, porque você é uma parceira igual com seu cônjuge. Você é confiante e não sente dificuldade em afirmar sua autoridade fora das relações. Você busca homens que são confiante em si mesmos e prósperos, porque você se sente segura sabendo que pode contar com ele (e ele com você). Contanto que seu parceiro honre o matrimônio tanto quanto você faz e aprecia, você estará feliz. Se ele não agir desta forma você tem que se concentrar no seu crescimento por conta própria e tem que descobrir uma identidade independente da dele. Fonte: http://www.asacerdotisa.hpg.ig.com.br
Sóror FortunaE.I.E.Caminhos da Tradiçãohttp://www.cursosdemagia.com.br

É Proibido

É Proibido
É proibido chorar sem aprender,
Levantar-se um dia sem saber o que fazer
Ter medo de suas lembranças.

É proibido não rir dos problemas
Não lutar pelo que se quer,
Abandonar tudo por medo,

Não transformar sonhos em realidade..
É proibido não demonstrar amor
Fazer com que alguém pague por tuas dúvidas e mau-humor.
É proibido deixar os amigos

Não tentar compreender o que viveram juntos
Chamá-los somente quando necessita deles.
É proibido não ser você mesmo diante das pessoas,
Fingir que elas não te importam,

Ser gentil só para que se lembrem de você,
Esquecer aqueles que gostam de você.
É proibido não fazer as coisas por si mesmo,
Não crer em Deus e fazer seu destino,

Ter medo da vida e de seus compromissos,
Não viver cada dia como se fosse um último suspiro.
É proibido sentir saudades de alguém sem se alegrar,

Esquecer seus olhos, seu sorriso, só porque seus caminhos sedesencontraram,
Esquecer seu passado e pagá-lo com seu presente.
É proibido não tentar compreender as pessoas,
Pensar que as vidas deles valem mais que a sua,

Não saber que cada um tem seu caminho e sua sorte.
É proibido não criar sua história,
Deixar de dar graças a Deus por sua vida,

Não ter um momento para quem necessita de você,
Não compreender que o que a vida te dá, também te tira.
É proibido não buscar a felicidade,

Não viver sua vida com uma atitude positiva,
Não pensar que podemos ser melhores,
Não sentir que sem você este mundo não seria igual.

Pablo Neruda

Aranhas??? Não, o meu medo é outro


24/02/2005
Esta noite sonhei com o “meu medo”. O meu medo e...aranhas!! Aranhas?!! Eu não tenho medo de aranhas. ‘Tá bem que não pego naquelas pretas e peludas, mas é mais nojo, não medo! Não sobro de aracnofobia (medo de aranhas), mas...se calhar sofro de “medofobia” (tem nome cientifico ?). O medo do medo. Agora aranhas!! Pois sim...tá!
Aranhas fogem a 8 pés assim que nos vêem e aposto que também gritam um grande “Aaahhhh!!”, em aranhês; nós é que não ouvimos porque estamos a gritar os nossos próprios “Aaahhhh!! ” ’s . Outras vezes esmagamo-las logo sem apelo nem agravo. Por falar nisso, já repararam que aquelas aranhas pretas e peludas fazem um “cruunch” seguido de um ligeiro “bloosch”, quando as pisamos? (ou será ao contrário?)
Bem, mas afinal o que é que o “meu medo” tem a ver com aranhas? Sim, porque eu NÃO TENHO medo de aranhas!!! Então, porquê aranhas??
Será que se comparar o “meu medo” a uma aranha, ele adquirirá o tamanho e a insignificância de uma aranha? Posso simplesmente pegar nele e lançá-lo para fora da minha casa/de mim? Ou esmagá-lo, ouvindo os seus “cruunchs” e “blooschs”, enquanto o medo agoniza nos seus últimos momentos?!! Ou ainda, simplesmente ignorá-lo e seguir em frente! (desde que não deixe criar teia!!)
Para quem esteja já a pensar que eu sou uma destruidora de aranhas, devo dizer que respeito todos os animais mesmo as aranhas, e quando era miúda guardava (para desespero da minha mãe) aranhas dentro de caixas de fósforos as quais alimentava com moscas que apanhava e cheguei a ter (ganda pancada!!) uma de estimação num cantinho do meu quarto, a qual também alimentava regularmente. Era cá uma razia nas moscas!!
Desde pequena também sempre tive medos de estimação, guardados numa caixinha fechada dentro do coração, os quais sempre alimentei metódica e religiosamente. De facto, alguns tornaram-se tão próximos que ainda hoje os trago comigo!! É, é...!! Pois...! Pois é ...Ora bem....Sim...
O meu medo é uma grande aranha preta e peluda, que fez a sua teia/toca na minha mente, e se alimenta de emoções descontroladas e sentimentos negativos, paralisando-me o coração com o seu veneno. É um predador voraz, alimentando-se constantemente e reproduzindo-se em grande número. Coloca os seus ovos no centro das emoções para que os pequenos medos tenham alimento e se desenvolvam rapidamente, deixando, quando eclodirem, um vazio... sem vontade, sem coragem, só uma escuridão cheia de medos. Os medos, como as aranhas, fazem parte do nosso mundo, mas assim como não deixamos a aranhas fazerem teias nas nossas casas, também não pudemos deixar que os medos façam teias nos nossos corações.

florbela